Campanhas e ações de conscientização no trânsito potencializam a promoção de ONG’s e empresas privadas

Se conscientizar pedestres e motoristas era apenas uma missão da iniciativa pública até pouco tempo, o que vemos agora são ONG’s e empresas privadas mostrando que querem colaborar com esse cenário tanto quanto órgãos dos governos federal, estadual e municipal. Bom para o trânsito e, por tabela, ótimo para a reputação das marcas de maneira geral. Casos como o da organização sem fins lucrativos Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), responsável pelo novo movimento Maio Amarelo e do Porto Seguro Auto, que realiza a campanha Trânsito+gentil desde 2010, têm mostrado que o zelo à vida…

Tecnologia: simuladores de direção têm transformado motoristas em verdadeiros pilotos

Foi-se o tempo em que apenas pilotos usavam simuladores para se habilitar e aprimorar conhecimentos antes de conduzirem aeronaves. Além de já estar presente na Fórmula 1 e na Stock Car, os simuladores são obrigatórios para a formação de motoristas em todo o Brasil e, há alguns anos, eles vêm sendo utilizados em grandes empresas de transporte. Nesse caminho sem volta, a tecnologia tem assumido o controle para dar mais agilidade e segurança à preparação de condutores. Mas antes que se pense que o mesmo tipo de simulador pode ser aplicado a todas essas áreas,…

10 ações para mobilidade e transportes do “Programa de Metas 2017-2020”, da Prefeitura de São Paulo

Em 30 de junho de 2017, a Prefeitura de São Paulo divulga a versão final do Programa de Metas 2017-2020, que balizará a administração de João Dória (PSDB) pelos próximos quatro anos. Como não poderia deixar de ser, o prefeito precisou definir ações específicas para melhorar a mobilidade e os transportes da cidade. Entre as 50 metas definidas pela equipe de governo, pontos esses que passaram por audiências públicas e crivo popular em abril, três delas buscam melhorar a qualidade de vida das pessoas que se deslocam pela capital. Veja as três metas de mobilidade…

Você conhece o Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV)?

Se você é do tipo de pessoa que se preocupa com economia de combustível do seu carro e preza por veículos menos poluentes, então precisa conhecer o Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV). Sob responsabilidade do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO) em parceria com o Programa Nacional da Racionalização do Uso dos Derivados do Petróleo e do Gás Natural (CONPET) e com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), ele reúne dados úteis para que consumidores possam comparar automóveis. Além disso, serve para estimular as montadoras a…

Vocação para inovar em mobilidade urbana

Curitiba é mundialmente reconhecida pelos projetos inovadores de mobilidade urbana. Tudo começou em 1974, com os BRTs (Bus Rapid Transit), os primeiros corredores de ônibus expressos que se tornaram modelo de exportação para mais de duzentas cidades, em todo mundo. O sistema integrado de eixos expressos e secundários revolucionou o conceito de mobilidade porque priorizava a circulação de pessoas em lugar de automóveis. O projeto tinha como objetivo conduzir o crescimento urbano. Na época, as faixas atravessavam lugares onde não havia praticamente nada. O objetivo era levar desenvolvimento a essas áreas por um novo modelo…

ENTREVISTA EXCLUSIVA: RICARDO MAKOTO

O papel do gestor de frotas já não é o mesmo. Atualmente, não basta saber a composição da frota e quanto ela consome mensalmente. É preciso ir além. Cada dia mais estratégico, esse profissional tem sob sua responsabilidade um tema muito importante: a mobilidade. Além do deslocamento de ponto A à B, o Gestor de Mobilidade gere pessoas, custos, demandas e estratégias. Para sabermos um pouco mais sobre essa mudança de cenário, conversamos com Ricardo Makoto, Diretor Comercial da eFleet Gestão de Frotas e Mobilidade. Quais as tendências para 2017 em relação à gestão de…

A ordem é compartilhar!

Quem disse que o mercado imobiliário não pode contribuir para a mobilidade? Imóveis compactos, inteligentes e com serviços voltados para mobilidade e consumo colaborativo. Essa é a principal tendência do mercado imobiliário de grandes cidades como Nova Iorque, Tóquio, Paris e Londres, que começa a ganhar destaque nas metrópoles brasileiras. Em São Paulo, a pioneira nesse segmento foi a Vitacon, incorporadora fundada há cinco anos por Alexandre Frankel. A empresa, responsável por iniciativas inéditas no mercado, comercializa unidades até 60m², com mais de quarenta edifícios entregues na capital paulista. Os empreendimentos, práticos, confortáveis e repletos…

Como se adaptar aos novos tempos – de montadora a provedora de mobilidade

O mundo assiste a maior tendência de redução da indústria automobilística. Reflexos de uma crise global que afeta principalmente a produção de carros no Leste Europeu e na América do Sul, onde hoje os fabricantes operam com ociosidade de 53% e 51% respectivamente, segundo estudo da PricewaterhouseCoopers (PwC). Ao lado da retração da economia, grandes metrópoles vivem problemas relacionados à mobilidade.  O grande número de veículos nas ruas combinada à falta de políticas eficientes compromete a qualidade do deslocamento, causando impacto em produtividade e qualidade de vida. Impulsionadas por esse novo cenário, as montadoras de…

Tecnologia para gestão da mobilidade

Não tem como pensar em gestão de frota sem falar em sistema de telemetria e gestão de abastecimento. Mais do que monitoramento de dados, a telemetria veio para ficar e avança em sistemas cada vez mais completos para gerenciar toda operação logística do negócio. No entanto, para que ela entregue todo potencial de resultados que promete, é importante aliar a telemetria à gestão de abastecimento. Os profissionais de frotas passaram a ter um importante desafio em mãos. Acompanhar e entender toda essa evolução para oferecer o que há de melhor para suas empresas, combinando eficiência…

Mudanças climáticas e o papel de cada um

O Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável – CEBDS – publicou um artigo escrito pelo Diretor de Estratégia e Marketing na Ticket Log, Maximiliano Fernandes.  Veja abaixo o texto na íntegra sobre a responsabilidade de cada indivíduo nos impactos causados pelo homem no clima. Muito se debateu sobre o clima em 2016, mas desta vez com uma diferença visível: passamos de expectadores das mudanças climáticas para participantes dela. Se antes se falava que calotas polares derretiam por causa do aquecimento, tudo bem. Os Polos estão bem longe de nós. Hoje o cenário é outro e o…