Aplicativo conecta usuários a serviços automotivos

Esse é o trecho de uma matéria disponível na 1ª edição da “Mobilidade em Revista” , publicação bimestral e  distribuição nacional. Leia a partir da página “29”, na editoria “Sou Mobilidade”. Para conferi-la na íntegra, basta fazer o download da publicação ou ler a versão on-line. Falta de tempo, redução de custo e deslocamento serviram de inspiração para o lançamento do Easy Carros, há menos de dois anos. Trata-se de um aplicativo gratuito e disponível para smartphones, criado para conectar proprietários de veículos e gestores de frotas a serviços automotivos. Com o aplicativo, o usuário solicita…

10 ações para mobilidade e transportes do “Programa de Metas 2017-2020”, da Prefeitura de São Paulo

Em 30 de junho de 2017, a Prefeitura de São Paulo divulga a versão final do Programa de Metas 2017-2020, que balizará a administração de João Dória (PSDB) pelos próximos quatro anos. Como não poderia deixar de ser, o prefeito precisou definir ações específicas para melhorar a mobilidade e os transportes da cidade. Entre as 50 metas definidas pela equipe de governo, pontos esses que passaram por audiências públicas e crivo popular em abril, três delas buscam melhorar a qualidade de vida das pessoas que se deslocam pela capital. Veja as três metas de mobilidade…

Vocação para inovar em mobilidade urbana

Curitiba é mundialmente reconhecida pelos projetos inovadores de mobilidade urbana. Tudo começou em 1974, com os BRTs (Bus Rapid Transit), os primeiros corredores de ônibus expressos que se tornaram modelo de exportação para mais de duzentas cidades, em todo mundo. O sistema integrado de eixos expressos e secundários revolucionou o conceito de mobilidade porque priorizava a circulação de pessoas em lugar de automóveis. O projeto tinha como objetivo conduzir o crescimento urbano. Na época, as faixas atravessavam lugares onde não havia praticamente nada. O objetivo era levar desenvolvimento a essas áreas por um novo modelo…

Como se adaptar aos novos tempos – de montadora a provedora de mobilidade

O mundo assiste a maior tendência de redução da indústria automobilística. Reflexos de uma crise global que afeta principalmente a produção de carros no Leste Europeu e na América do Sul, onde hoje os fabricantes operam com ociosidade de 53% e 51% respectivamente, segundo estudo da PricewaterhouseCoopers (PwC). Ao lado da retração da economia, grandes metrópoles vivem problemas relacionados à mobilidade.  O grande número de veículos nas ruas combinada à falta de políticas eficientes compromete a qualidade do deslocamento, causando impacto em produtividade e qualidade de vida. Impulsionadas por esse novo cenário, as montadoras de…