Se conscientizar pedestres e motoristas era apenas uma missão da iniciativa pública até pouco tempo, o que vemos agora são ONG’s e empresas privadas mostrando que querem colaborar com esse cenário tanto quanto órgãos dos governos federal, estadual e municipal. Bom para o trânsito e, por tabela, ótimo para a reputação das marcas de maneira geral. Casos como o da organização sem fins lucrativos Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), responsável pelo novo movimento Maio Amarelo e do Porto Seguro Auto, que realiza a campanha Trânsito+gentil desde 2010, têm mostrado que o zelo à vida…